Pontos de interesse de Lisboa

Descubra os mais icónicos pontos de interesse de Lisboa

É difícil dizer quais são os mais icónicos pontos de interesse de Lisboa, uma cidade que tem tanto para mostrar. Destacamos os que são incontornáveis numa visita à capital portuguesa.

 

Castelo de São Jorge

 

Um dos pontos mais turísticos da cidade, esta fortaleza localiza-se numa das mais altas colinas de Lisboa e oferece das melhores vistas panorâmicas sobre a cidade e estuário do rio Tejo. Este edifício histórico foi habitado por romanos, visigodos e mouros e pela Família Real Portuguesa,  a partir do século XII. O Castelo de São Jorge atrai mais de um milhão de visitantes por ano, a maioria estrangeiros, que usufruem deste belíssimo cartão-de-visita da cidade.

 

 

Belém

 

Numa ida a Lisboa é obrigatório visitar Belém. Há muito que conhecer nesta zona da cidade, desde o Mosteiro dos Jerónimos, o monumento mais visitado de Portugal, à Torre de Belém ou ao Padrão dos Descobrimentos, autênticas homenagens de pedra e cal à herança histórica dos Descobrimentos e à forte ligação dos portugueses com o mar, até ao CCB - Centro Cultural de Belém, que conta com um acervo artístico digno de nota. Além disso, é aqui que encontrará os deliciosos e imperdíveis Pastéis de Belém, a relíquia gastronómica de 1837 mais famosa de Portugal.

 

 

Alfama

 

Logo abaixo do Castelo de São Jorge descubra o bairro mais típico e visitado de Lisboa. Numa teia de ruas e becos típicos da Idade Média, é-se constantemente surpreendido com praças escondidas, igrejas de tempos volvidos e tasquinhas típicas (cafés e tabernas com comidas a preços acessíveis), assim como casas caiadas de branco, ornadas com varandas de ferro e vasos de flores. Este antigo bairro judeu é um dos mais típicos da cidade, uma espécie de aldeia no meio da selva urbana. É, sem dúvida, um dos maiores pontos de interesse de Lisboa.

 

 

Baixa Lisboeta

 

Se a zona de Belém é imperdível para os turistas, a da Baixa Pombalina não lhe fica atrás. O coração histórico de Lisboa, que sofreu o famoso terramoto de 1755, conta com a impactante Praça do Comércio que, debruçada sobre o Tejo, garante das vistas mais belas de Lisboa. Também na baixa se pode admirar Lisboa do alto do Miradouro da Rua Augusta , subir o famoso elevador de Santa Justa ou passear na célebre praça do Rossio. Os grandiosos edifícios do século XVIII, assim como o comércio variado existente nesta zona, são outro dos fatores de atração para os turistas e locais.

 

 

Parque das Nações

 

O Parque das Nações foi construído para receber a Expo 98 e acabou por se tornar das zonas mais privilegiadas de Lisboa para viver ou para momentos de lazer. Este conta com o famoso Oceanário, que conta com mais de 500 espécies e recebe cerca de um milhão de visitas anuais. Também no Parque das Nações pode dar uma volta no teleférico, do qual se obtém uma vista desafogada para o Tejo, ir ao casino ou dar uma volta no centro comercial Vasco da Gama.

 

 

Avenida da Liberdade

 

Se Paris tem a Champs-Élysées, Lisboa tem a Avenida da Liberdade. As mais conceituadas marcas pululam esta famosa artéria da capital, desde a Louis Vuitton, à Cartier, à Prada e à Gucci. Opções não faltam para os consumidores mais exigentes, que entre compras podem passear alegremente por esta rua arborizada e parar para beber um refresco numa das esplanadas e quiosques que pontuam a avenida.