CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

Come Prima: a singular cozinha italiana de Tanka Sapkota

Come Prima
By Joana CIDADES . 2 years

O sucesso do Come Prima em Lisboa estende-se agora aos outros restaurantes do chef

 

Os restaurantes italianos de Tanka Sapkota são já uma referência na cidade de Lisboa, começando pelo Come Prima. Para quem deseja estar o mais perto possível dos sabores originais, as criações do chefe nepalês são a melhor opção na cidade de Lisboa, que inaugurou também Forno d'Oro Il Mercato.

 

Os restaurantes que servem comida tradicional italiana multiplicam-se e Tanka observa que “nos últimos vinte anos em geral a cozinha italiana melhorou, é uma coisa boa”. No entanto, o fenómeno não abrandou o sucesso do Come Prima, que conta já com diversas distinções culinárias internacionais, entre as quais o importante certificado Verace Pizza Napoletana que autentifica as pizzas ali criadas como verdadeiras pizzas napolitanas.

 

A boa reputação deste restaurante perto de Alcântara, o primeiro a nascer pela mão do chefe Tanka em 1999, cresce a olhos vistos. Há cada vez mais estrangeiros a visitar a cozinha e não por acaso, já que o trabalho de Tanka se direcciona cada vez mais para a qualidade e originalidade dos produtos: “o que me diferencia a mim e aos meus restaurantes são produtos, produtos e produtos”.

 

Por ter sido o primeiro restaurante de Tanka em Lisboa, Come Prima tem para o chef um significado especial. Cada restaurante do chef tem uma assinatura especial, sendo que o Come Prima apresenta “a cozinha genuína italiana”, ou como refere o próprio nome do espaço, como antigamente. Assim, também a música tradicional italiana que toca baixinho se assume como um dos elementos característicos do espaço, que nos transporta logo desde a entrada para um ambiente típico, como de Itália se tratasse.

 

Neste restaurante da capital pode experimentar diferentes pratos especiais: “tem uma mistura, há a cozinha típica italiana e dois ou três pratos com produtos portugueses”, dos quais o chef refere o spaghetti nero com percebes das Berlengas e camarão, ou a carne de porco preto de bolota.

 

Em jeito de confissão, o chef vindo do Nepal e que por outros países europeus passou antes de Portugal revela que “não sou grande cozinheiro de nepalês, é mais a minha mulher”. Prefere sempre embrenhar-se na cozinha italiana e em pratos simples de confeccionar, em especial “tajarin com burgo, parmegiano e trufa branca, mas uma vez por ano” – embora muito amada, a trufa branca é um ingrediente sazonal, difícil de encontrar e, por consequência, é comprada a preço de ouro. Apesar disso, há oito anos que o restaurante Come Prima organiza a famosa época da trufa branca de Alba, durante a qual se pode degustar esta iguaria rara.

 

No mesmo sentido, Tanka conta que a última ideia, já posta em prática e a reforçar a partir de agora, foi trazer directamente de Itália produtos originais, ali criados ou preparados. De modo a manter-se a frescura e sabor de ingredientes que “não podem vir no camião porque se estragam”, esta viagem passa a fazer-se directamente de avião entre Itália e Portugal.

Há uma preocupação constante para se oferecer o melhor aos clientes, “eu procuro bons produtores e produtos genuínos”. E Tanka defende que “é esse o trabalho de um chef, servir os produtos mais frescos e genuínos custe o que custar”.

 

Assim se inaugura também o evento em que se corta e degusta o parmegiano reggiano, um queijo italiano clássico feito a partir de leite de vaca, de grande dimensão e sabor singular, numa ocasião que celebra a boa cozinha italiana. Para os amantes do tipo ou para os mais curiosos, o evento será repetido na primeira quinta-feira de cada mês.

 

Reserve uma mesa no concorrido restaurante Come Prima e atreva-se a descobrir a verdadeira cozinha italiana do chef Tanka Sapokta, dos antipasti aos dolci e sem esquecer a pasta fresca. Entre tantos ingredientes frescos, receitas originais e pratos saborosos, decerto o mais difícil será eleger os seus favoritos.  

 

 

Photo credit : boacamaboamesa.expresso.pt