CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

Saiba como visitar Lisboa como um verdadeiro lisboeta

The Huffington Post
By Inês ALMEIDA . 3 years
Categories :
Turismo Lisboa

O The Huffington Post dá-lhe dicas para visitar Lisboa da melhor forma

 

O The Huffington Post, uma publicação norte-americana, dá-lhe dicas para vivenciar Lisboa como se fosse um local. “Lisboa é a capital costeira de Portugal, cheia de carisma, edifícios de azulejos com belos pormenores e vistas panorâmicas do rio Tejo”, começa por se ler no artigo. “Com tantas comidas para experimentar e todos os pastéis de nata que conseguir comer, o exercício que vai fazer para percorrer esta cidade é um desafio bem-vindo e recompensado com a vista deslumbrante da cidade”.

 

O The Huffington Post recomenda:

 

Faça um tour gastronómico

 

“Pode parecer turístico e fora da sua esfera, mas a história que vai aprender sobre a comida local e internacional de um dos portos mais famosos da Europa, vai conferir-lhe estatuto local imediato. Culinary Backstreets é um tour gastronómico que incide nos alimentos que os locais realmente comem, com ênfase na origem dos sabores. Apareça com fome e vai ver que não se vai arrepender.”

 

 

Tour gastronómica

 

 

Caso precise de trabalhar

 

“Nós nunca estivemos num espaço de cowork como a Second Home. Localiza-se diretamente acima do Mercado da Ribeira – Time Out Market e está equipado com um café e bar, recebendo um orador convidado por semana que certamente o vai deixar inspirado. Além disso, este espaço tem também um belo ambiente de estufa verdejante. Termine o seu trabalho da semana e depois recomece a sua vida na happy hour complementar de sexta-feira à noite. Este espaço também oferece sessões grátis de pilares, ioga e sessões de meditação ao longo da semana, para que possa manter o seu estado zen entre chamadas em conferência.”

 

 

Second Home

 

 

Vamos para a festa

 

“Uma vez que termine a happy hour na Second Home e que finalize o seu jantar europeu por volta das 22 horas, já está pronto para ir beber um copo. Aqui está a genda da noite. Primeiro vai buscar bebidas ao Bairro Alto por volta da meia-noite. Não se preocupe com os detalhes; todos os bares são minúsculos, por isso toda a gente leva as suas bebidas para a rua. A próxima paragem é a Rua Cor-de-Rosa. Enquanto estiver por lá, descubra qual é o bar do momento porque é aí que vai estar até às 3 da manhã. Finalize a noite com uma caixa Doner ((batatas fritas + carne = felicidade) na carrinha de kebabs mais próxima.”

 

 

Rua Cor-de-Rosa

 

 

Perca-se no Lost

 

“Tipicamente não escrevemos sobre acomodações, mas o Lost Lisbon não é o típico lugar para ficar. Tudo sobre este espaço se relaciona com a cultura local, desde os eventos pop-up nos espaços comuns até aos quartos desenhados por artistas locais. Trata-se de um espaço colectivo, composto por várias casas espalhadas por Lisboa, onde a viagem encontra a comunidade de forma a enfatizar a arte, o estilo de vida, a criatividade e a produção intelectual.”

 

 

Lost Lisbon

 

 

Polvilhe-os com canela

 

“Os pastéis de nata, as deliciosas tartes portuguesas de ovos, são TUDO. Estes podem estar em toda a parte, mas não são todos iguais. Antes de lhe dizermos quais são os nossos favoritos, vamos partilhar alguma história sobre eles. Antes do século XVIII, a igreja católica governava a terra. Isso terminou com a extinção das ordens religiosas que se seguiram à Revolução Liberal de 1820. Há imensos mosteiros e conventos que, desde então, foram transformados em apartamentos, edifícios governamentais e museus. Os monges e as freiras não tinham lugar para ir, então pegaram na sua famosa receita de pastéis de natal e começaram a vender essas guloseimas como forma de sustento. Louco, certo?! Então aqui vão as nossas escolhas para os melhores pastéis de nata da cidade: Manteigaria no Time Out Market e Pastelaria Aloma.”

 

 

Pastéis de Nata

 

 

Fonte: The Huffington Post