Tall and tan and young and lovely

Casa Pau Brasil em Lisboa
Posté par João GALVÃO Il y a 1 Semaine
Catégories :
Actualidades

O Brasil tem aparecido nas notícias, ultimamente, pelos piores motivos. Não é este o caso.

 

Como qualquer nação, os brasileiros têm coisas excelentes e outras péssimas. E é das excelentes de que é feita a Casa Pau-Brasil, ao Príncipe Real. Porque é uma casa embaixadora num país da Velha Europa, a do charme, da elegância e do requinte, a escolha é primorosa e very very high end.

 

O sítio não podia ser melhor, se o que se pretende é cativar o gosto de um  consumidor ‘dito’ de nicho. ‘Dito’, porque tal coisa não existe, mesmo quem tem menos posses pode ser criterioso; o tamanho do bom gosto não acompanha obrigatoriamente o volume da carteira, não é? Assim, o sítio não podia ser melhor: um palacete na rua dos palacetes, a da Politécnica, ao Príncipe Real, o mesmo nome da nau que levou a Corte Portuguesa para o Brasil no início do século XIX, numa coincidência feliz.

O Palácio Castilho foi o escolhido pelo mentor do projeto, Rui Gomes Araújo, que com a Casa Pau-Brasil traz assim uma embaixada comercial dos trópicos para a antiga capital do Império. E há de um tudo, desde que de topo: a decoração que agora nos colonializa é abrangente e intemporal, e foi escolhida pela QuartoSala. À cabeça desta lista estão os já históricos Sérgio Rodrigues e Paulo Mendes da Rocha, num design a lembrar os tempos marcados pelo modernismo de Niemeyer e pelo inconfundível horizonte arquitectónico de Brasília. Mas também de sangue novo é feita a decoração da Casa, com Jader Almeida, Ana Neute ou os sempre na vanguarda irmãos Campana.

 

A moda está muito bem representada por Lenny Niemeyer, a mestra do estilo beach couture, e por Juliana Herc, que num melting pot (como só os brasileiros o sabem fazer, também eles uma nação resultado de várias misturas) junta várias influências de ao redor do globo, depurando-as num estilo eclético, moderno e verdadeiramente original.

 

Na cosmética destacamos a secular Granado e Phebo, fundada por um português em meados do século XIX, e bem representando a vida na praia, como só o Brasil o sabe fazer, temos a Frescobol Carioca, mais conhecida pelas raquetas de praia, mas também pelos fatos de banho e todos os acessórios que acompanham a boa vida ao sol.

 

Casa Pau-Brasil

Palácio Castilho

Rua da Escola Politécnica, 42

1250-096 Lisboa

T: 21 342 0954