CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

1 dia em Cascais: conheça o roteiro do Lisbonne Idée

Roteiro Cascais
By Inês ALMEIDA . 2 years
Categories :
Atividades Lisboa

Cascais é uma vila à beira-mar situada a 40 minutos de Lisboa

 

Se está a planear uma visita a Lisboa e tenciona ficar por vários dias, não pode deixar de conhecer outras zonas de interesse à volta da capital. Entre estas há que destacar Cascais, o sítio ideal para dar mergulhos na praia, deliciar-se com marisco fresco ou apreciar o mar num passeio junto à costa. Esta zona é conhecida pelas suas belas praias de areias brancas, lojas de rua encantadoras e bons restaurantes, sendo um dos destinos mais sofisticados da zona de Lisboa.

 

 

Cascais

A vila de Cascais

 

 

Cascais assumiu-se como um destino da aristocracia portuguesa em meados do século XIX e foi um porto de abrigo da realeza europeia aquando da Segunda Guerra Mundial, sendo que isso está bem patente nos palacetes, nos faróis, fortalezas e na Cidadela do século XVII. Esta vila situa-se a poucos quilómetros da foz do Tejo, entre a baía de Cascais e a serra de Sintra. Usufrui de uma atmosfera requintada, que atrai visitantes durante o ano inteiro.

 

Ir a Cascais é visitar um elegante pólo cultural, que conta com uma animada vida noturna e uma qualidade de vida ímpar. Esta cidade é também um pólo de atração para os surfistas e praticantes de windsurf, que se deixam cativar pelas ondas da Praia do Guincho. Também pode optar por passear à beira-mar até ao Estoril, parando para beber um copo numa das esplanadas com vista para o mar.

 

 

Praia do Guincho

Praia do Guincho

 

 

Como chegar?

 

Pode ir para Cascais de comboio ou de carro. Se optar pelo comboio, a viagem de Lisboa para Cascais demora 40 minutos a partir da Estação do Cais do Sodré (à qual pode aceder através do metro, saindo na estação Cais do Sodré da linha verde). Há comboios de vinte em vinte minutos, sendo que na hora de ponta, entre as 6h50 e as 10h00 da manhã, ainda passam comboios com mais frequência. O comboio pára junto ao centro histórico de Cascais. Cada trajeto tem o custo de 2,20€ (ou seja, 4,40€ ida e volta). Pode optar por carregar o cartão Viva Viagem com a modalidade zapping, pagando apenas 1,85€ por casa passagem.

 

 

Centro de Cascais

Centro de Cascais

 

 

Quem optar por ir de carro de Lisboa até Cascais tem uma grande vantagem: pode usufruir da vista para uma das mais belas costas do país. A partir do centro de Lisboa, desloque-se para Belém, apanhe a estrada N6, que segue pelo rio Tejo e depois junto ao oceano Atlântico. Vai passar por localidades como Oeiras, Carcavelos, Parede e Estoril. Este percurso estende-se por 30 km e demora uma média de 40 minutos a percorrer. Estacionar o carro no centro de Cascais não é particularmente fácil, especialmente na época alta. Nunca se esqueça de verificar se estaciona numa rua com parquímetro, para evitar possíveis multas. Também pode optar por um parque de estacionamento privado.

 

 

Linha do Estoril

Linha do Estoril

 

 

O que fazer?

 

Para começar o dia em beleza, visite uma das praias da vila e dê um mergulho refrescante. Tem várias à escolha, mas pode começar pelas praias da Conceição, da Duquesa e da Rainha, que são de fácil acesso a partir do centro. Estas encontram-se adornadas por palacetes e o seu charme torna-as irresistíveis para os banhistas, sendo que estas costumam estar cheias na época alta.

 

 

Praia da Rainha

Praia da Rainha

 

 

Depois de dar uns quantos mergulhos no mar e de apanhar banhos de sol, comece a explorar a vila de Cascais. Não pense que esta localidade vive apenas de mar, restaurantes e lojas. Caso seja um amante da natureza, perca-se no Parque Natural de Sintra-Cascais. Este estende-se da Serra de Sintra à Praia do Guincho, desembocando no Cabo da Roca, o ponto mais ocidental do continente europeu. Uma das atrações a não perder na zona é a Boca do Inferno, uma profunda ravina onde o mar se desfaz contra os rochedos num belo espectáculo visual.

 

 

Boca do Inferno

Boca do Inferno

 

 

Cascais também conta com uma componente cultural muito interessante. Não deixe de passar na Casa das Histórias, o museu da famosa pintora Paula Rego. Este surgiu em 2009 e dedica-se à obra da artista, que nasceu e cresceu em Cascais. Caso goste de museus, visite ainda o Museu Conde de Castro Guimarães, fundado em 1931 numa antiga casa senhorial, que contém uma extensa coleção de pinturas dos séculos XVI-XIX. O Museu do Mar, por seu turno, enaltece o legado marítimo de Cascais, contendo fósseis, conchas e barcos antigos.

 

 

Casino Estoril

Casino Estoril

 

 

Imperdível é também o Casino do Estoril, voltado para a praia do Tamariz. Este é um dos casinos mais antigos da Europa, tendo inspirado Ian Fleming quando escreveu “Casino Royale”, uma das histórias sobre James Bond escrita em 1953. Caso vá ao casino, não deixe de passar pela praia do Tamariz, uma das praias mais glamourosas da zona. Esta conta com um óptimo restaurante com vista para o mar, que se transforma numa discoteca altamente requisitada nas noites quentes de Verão.

 

 

O que comer?

 

Para almoçar:

 

Furnas do Guincho

O Furnas do Guincho é um restaurante com vista para o Oceano Atlântico, que abriu nos anos 50, mas conta com umas instalações modernas, remodeladas recentemente. Neste espaço encontra um a carta que privilegia o peixe e o marisco, assim como outros pratos famosos como a paelha de marisco, a caldeirada à furnas e a cataplana de polvo com batata-doce.

 

 

Furnas do Guincho

Furnas do Guincho

 

 

Para jantar:

 

Saikō

O restaurante Saikō procura oferecer o melhor sushi de fusão em Portugal, oferecendo combinações únicas e explosivas para os sentidos. Visite este espaço requintado e conheça as várias formas e feitios que a cozinha japonesa pode assumir no seu prato. Prometemos-lhe que vai desfrutar da viagem.

 

 

Saiko

Saikō

 

 

Para lanchar:

 

Santini

Se vem visitar Lisboa, provavelmente já se deparou com este nome algures. A verdade é que a Santini não é uma mera gelataria, dado que os seus gelados foram considerados os melhores do país. Este espaço foi fundado por Atillio Santini em 1949 em Cascais, sendo que esta histórica casa sempre atraiu uma longa fila de visitantes – até aos dias de hoje.

 

 

Santini

Santini

 

 

Já está convencido que tem de tirar (pelo menos) um dia para conhecer esta bela vila piscatória? Entre a serra e o mar, Cascais tem tudo aquilo que se elogia em Portugal, as praias, o sol, a gastronomia, a história e a cultura.