CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

Região do Algarve não quer ser conhecida apenas pelas praias

Turismo no Algarve
By Inês ALMEIDA . 3 years
Categories :
Turismo Portugal

Natureza, gastronomia e eventos são as novas armas para atrair turistas ao Algarve

 

O Algarve continua a ser a região mais turística de Portugal, tendo voltado a bater recordes de visitantes em 2017. No ano passado, as suas praias atraíram cerca de 19 milhões de turistas, mais cinco milhões que no ano de 2012. Para 2018 espera-se um novo recorde, sendo que os responsáveis pelo setor do turismo na região algarvia têm uma estratégia planeada para motivar os turistas a visitar o Algarve por outras razões que não as praias.

 

Em 2017, os proveitos resultantes do turismo no Algarve ultrapassaram a fasquia dos mil milhões de euros. Este valor duplicou nos últimos cinco anos. O presidente do Turismo do Algarve, Desidério Silva, diz que uma das principais lutas da região tem sido a atração de turistas em época baixa. Em 2012, estes não chegavam a seis milhões, e em 2017 foram um pouco mais de oito milhões, um número inferior ao desejado pelos responsáveis do turismo.

 

As dormidas na região algarvia excederam os 19 milhões em 2017, sendo que 15 milhões são de turistas estrangeiros. No aeroporto de Faro aterraram 8,7 milhões de passageiros, metade ingleses. Apesar do receio que o número de turistas britânicos que visitam o Algarve diminuísse com o Brexit, a verdade é que estes aumentaram 0,3% no ano que passou.

 

Para 2018 o objectivo do presidente do Turismo do Algarve é mostrar que os atrativos da região não se esgotam nas suas praias. “Cada vez mais os turistas querem experiências, novos conteúdos”, diz. Uma das propostas do Algarve é um programa de “Cycling and Walking”, com o qual Desidério Silva quer “posicionar o Algarve como destino de eleição no ciclismo e nas caminhadas de Natureza”.

 

Ainda numa perspetiva de potenciar o Algarve como um destino de natureza, vai ser realizada a quarta edição da Algarve Nature Week, que terá lugar na segunda semana de abril em Lagos. Prevê-se também a criação de um Guia de Turismo de Natureza Júnior. “Há muitos algarvios que não conhecem o Algarve. Queremos fazer esse convite”, afirma Desidério Silva.

 

Os responsáveis de turismo do Algarve também querem enaltecer as qualidades gastronómicas da região através do programa Algarve Cooking Vacations, cujo objectivo passa por “afirmar o Algarve como destino de excelência para programas de aprendizagem culinária e gastronomia”.

 

 

Fonte: Dinheiro Vivo