CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

Alto Douro Vinhateiro é Património Mundial há 15 anos

Douro
Par Joana CIDADES Il y a 4 ans
Catégories :
Turismo Portugal

O objetivo não passa por massificar o Douro enquanto destino turístico

 

O reconhecimento externo da excelência do Douro foi uma das principais conquistas da região, desde a sua classificação pela Unesco há 15 anos. Os principais ganhos, com esta conquista, foram o reconhecimento externo e a projeção internacional alcançada. Nos últimos 15 anos verificou-se uma aposta na qualificação do turismo na região, com mais alojamento e restauração de qualidade, assim como novas infraestruturas e programas culturais.

 

 

Ao nível das infraestruturas, foi construído o Túnel do Marão e a auto-estrada transmontana, melhorando as acessibilidades da região. Tem sido feita uma grande aposta no marketing territorial, desde a classificação, sobretudo nos mercados externos, o que tem resultado numa maior procura da região por parte dos estrangeiros. Contudo, apesar do turismo ter aumentado na região, o objetivo não passa por massificar o Douro enquanto destino turístico.

 

 

“Estamos e estaremos numa paisagem classificada, intacta e frágil na sua génese, autêntica e genuína, que exige cuidados especiais de planeamento e gestão”, afirma Ricardo Magalhães, vice-presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N). Apesar da polémica em relação à barragem de Foz Tua, cuja construção chegou a colocar em risco a classificação da Unesco, Ricardo Magalhães acredita que no Douro ainda há espaço para novos projetos de grande dimensão.

 

 

Nos próximos anos, o objetivo passa por continuar a apostar na internacionalização da marca Douro Património Mundial e investir na revitalização das cidades e vilas, de forma a não tornar o território unicamente atractivo para os visitantes e investidores. Foi em 2011 que o Alto Douro Vinhateiro foi inscrito na lista do Património Mundial da Humanidade, na categoria de Paisagem Cultural Evolutiva e Viva, abrangendo uma área classificada de 24 600 hectares, que corresponde a treze municípios.

 

Fonte: Diário de Notícias