CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

Templo Budista no Alentejo aberto a todos

Templo Budista Alcácer
Par João GALVÃO Il y a 4 ans
Catégories :
Turismo Portugal

Em Alcácer do Sal há um templo Budista espelho da espiritualidade de que cada vez mais se precisa

 

Não é o único em Portugal, há outros, mas este é o mais imponente e o mais recente de todos eles. O Stupa Tashi Gomang é um templo da comunidade budista Guhya Mantrika e fica no Centro de Retiros de Santa Susana, em Alcácer do Sal, nas planuras do pleno Alentejo, tão longe das montanhas do Tibete, mas tão perto da iluminação espiritual, necessidade mundial agora mais que nunca.

Mesmo que esta não seja a sua religião, é como poupar 10.000 quilómetros de viagem para ver outra arquitetura religiosa sem ser pela National Geographic, e sentir um pouco de outro quotidiano que não o seu.

O edifício tem 16 metros de altura e no piso térreo ocupa um espaço interior com 36 metros quadrados que, para além das funções religiosas, servirá para  encontros e colóquios.

 

Um Stupa é para os budistas mais que um simples templo, é uma espécie de antena cósmica que atrai para a região onde está edificado bons augúrios e benesses espirituais. O espaço exterior que rodeia o edifício em si é tão ou mais importante que o seu interior; enquanto que este é tratado como uma espécie de capela, para rituais, votos e doutrinas, o exterior serve para várias práticas espirituais ou meditativas.

 

Muitos dos materiais na sua construção são locais, como o mármore, de que o Alentejo é farto. Mas alguma decoração é original das terras budistas, como as estátuas que adornam o espaço, vindas do Tibete e do Nepal.

O Stupa Tashi Gomang está situado no Centro de Retiros Thubten Phuntsog Gephel Ling, criado em 2014 pela comunidade Guhya Mantrika, que juntamente com o Centro de Estudos Tibetanos Pendê Ling, de São João do Estoril, aqui promove e realiza várias atividades e retiros ao longo de todo o ano.

 

Tanto em Alcácer do Sal como em São João do Estoril a comunidade budista Guhya Mantrika – organização sem fins lucrativos -  e os seus Centros de Estudos têm como missão o estudo e a prática do Budismo Tibetano. Oferecem “uma possibilidade única de explorar profundamente a Sabedoria desta Antiga Tradição, obter prática meditativa e aprofundar o entendimento sobre o Dharma, os Ensinamentos do Buda. Nesta sociedade moderna e stressante o Centro de Estudos Tibetanos tem a função, mais importante que nunca, enquanto local para o estudo e prática dos Profundos e Vastos Ensinamentos do Buda, de ser um espaço em que podemos fortalecer a sabedoria e a compaixão a aplicar no mundo”.

 

Thubten Phuntsog Gephel Ling

Estrada Nacional 253, Herdade Corte Pereiro

7580-706 Santa Susana – Alcácer do Sal

 

CET Pendê Ling

Rua Fernando Assis Pacheco, 120

2765-316 São João do Estoril – Lisboa

 

www.guhyamantrika.org