CONTACTO PORTUGAL COMPORTA ALGARVE INVESTIR VIVER

The Passenger: chegue de comboio e durma na estação

Hostel The Passenger
Posté par João GALVÃO Il y a 2 Mois
Catégories :
Hotelaria

O hostel The Passenger no Porto usa da melhor forma a arquitetura histórica da estação de São Bento

 

É uma das mais belas estações de comboios do mundo, numa cidade que sobe a pique nas escolhas turísticas. Agora há em São Bento um hostel para que que quem chega não vá mais longe, pouse a mala e saia para descobrir o Porto sem mais demoras.

“Há mais de 4 anos tivemos conhecimento de que a então REFER estava à procura dum parceiro para reabilitar a ala Norte da Estação e desenvolver um projeto turístico nas instalações” diz-nos Rita Corrêa Figueira, da sociedade F2is que detém a concessão da Ala Norte da Estação de São Bento.

 

“A F2is, que já tinha nessa altura algumas operações em curso na área do turismo em Lisboa e no Porto, apresentou uma proposta que pressupunha a manutenção do edificado e o seu aproveitamento para a exploração dum hostel. A REFER interessou-se pela proposta, considerou que a F2is tinha experiência na área e foi acordada a concessão pelo prazo de 20 anos.”

 

Quando abriu?

O The Passenger Hostel abriu portas no dia 1 de Julho, encontrando-se ainda em regime de soft opening.

Desde o dia em que apresentámos a proposta e aquele em que começámos a obra decorreram quase 3 anos.

De quem é o projeto arquitectónico?

Inicialmente o projecto foi desenvolvido pela Mínimalinea, mais concretamente pelo Arquiteto Nuno Pinto Cardoso, que entretanto foi viver para o Algarve e a conclusão do projecto, com algumas alterações entretanto introduzidas, bem como o projeto de execução foi da responsabilidade da Nuclarq e do Arquiteto Armando Rui.

 

E a decoração?

A decoração de interiores foi da minha responsabilidade, tentei sobretudo dar conforto aos espaços o que foi um desafio  para mim por que não sou decoradora e porque tive que lidar com pés direitos com mais de 6mt que não facilitaram a tarefa. Pessoalmente, fiquei contente com o resultado.

 

Como é esta tipologia?

O The Passenger Hostel tem dois tipos de alojamento:  camarata normal no 2º piso e quartos privados no 1º piso, com uma zona de sala e quarto, sendo também nestes partilhadas as casas-de-banho e cozinha. 

Este foi o modelo de alojamento possível para que se pudesse  manter a estrutura do edifício intacta. 

Pode avançar uma janela de preços?

Os preços em camarata rondam os 21€ a 27€ por cama, com pequeno-almoço incluído, e os quartos privados as tarifas de 2 PAX variam entre 65€ e os 70€.

Existem 2 quartos com casa-de-banho privativa e nesses os valores são superiores. A Suite no primeiro piso tem uma área superior a 60m2 e o preço ronda os 120€.

 

Quem é a F2is?

A F2is têm vindo a desenvolver desde 2010 alguns projetos de reabilitação no Porto, tendo lançando em 2011 os  seus primeiros apartamentos turísticos. Hoje em dia opera também em Lisboa, mas o grosso da operação está no Porto, onde explora 28 apartamentos e o The Passenger Hostel. Em Lisboa a operação está reduzida a 10 apartamentos.

Desde 2005 que a F2is  tem vindo a investir no Porto, sempre acreditei que o centro da cidade seria reabilitado e que se tratava de uma cidade com enorme potencial e com muito para fazer.  

 

Como vê a movida turística do Porto?

Passados 12 anos a cidade está irreconhecível, com um centro histórico  renascido,  é uma cidade que fervilha, com muita vida e sobretudo muita alma.

 

Porquê o Porto?

Porque é uma cidade linda e com uma escala encantadora, mistura o antigo e o contemporâneo, tem uma gastronomia fantástica e sabe receber. 

 

 

The Passenger Hostel

Estação de São Bento

Praça Almeida Garrett

4000-069 Porto

Tel: 963 802 000

www.thepassengerhostel.com

 

Crédito foto de abertura: booking.com

João  GALVÃO
João GALVÃO