CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

12 razões para se apaixonar por Lisboa

El País
Par Inês ALMEIDA Il y a 1 an
Catégories :
Últimas Notícias

Não está a ver uma boa razão para visitar Lisboa? O El País dá-lhe 12

 

A cidade das sete colinas não se cansa de ser elogiada. Desta vez o cumprimento veio da parte do jornal espanhol El País, que dá 12 razões para se apaixonar por Lisboa. “Da Praça do Comércio até a Torre de Belém é melhor ir a pé. Em Alfama ouve-se um bom fado e, num palácio do Rossio, o cante alentejano. Ritos muito lisboetas.”

 

O jornalista Javier Martín del Barrio, do El País, percorreu Lisboa de uma ponta à outra, especialmente a pé, e ficou muito impressionado com a cidade. Em primeiro lugar destacou a nova Experiência Pilar 7 da Ponte 25 de Abril, a qual diz que “dá algumas vertigens”, mas cujos “detalhes arquitectónicos da ponte” são interessantes.

 

Para conhecer a cidade, o jornalista aconselha que a percorra a pé, especialmente junto à zona ribeirinha, da Praça do Comércio a Belém. Outro passeio que o El País recomenda fazer é ir do Parque Eduardo VII até à Baixa. “Tire uma selfie e comece a descer diretamente até tocar na água; desce pela relva do jardim, passa pela Avenida da Liberdade, pelo Rossio e pela Praça do Comércio e já está no Tejo”.

 

O belo Oceanário também merece um lugar de destaque no El País. “Muito completo e bem preservado, recomendado para crianças e adultos, foi considerado o melhor do mundo em 2017 e deve continuar assim até hoje.” Para um momento cultural dirija-se ao Museu Nacional de Arte Antiga, em que o jornalista do El País diz “não haver filas” e cujo terraço tem “melhores vistas do que o de Madonna” (a artista vive na mesma que rua do museu).

 

O Elétrico 28 é “como o de São Francisco mas melhor”, sendo que o jornalista prefere a rota que vai do Jardim da Estrela até ao bairro da Graça. Para ouvir o famoso cante alentejano, que há pouco tempo foi considerado Património Imaterial da Humanidade pela Unesco, nada como visitar a Casa do Alentejo, no Rossio, onde se come “bem e a bom preço”.

 

Caso siga o conselho e vá no Elétrico 28, faça uma paragem no bairro de Campo de Ourique e vá à pastelaria Tentadora, onde se come uma refeição “por 10 euros”. Se vai ouvir o cante alentejano, também tem de ouvir o famoso fado. “A Mesa de Frades, nas costas de Alfama, é o melhor lugar para ouvir fado de verdade”, considera Javier Martín del Barrio.

 

O jornalista do El País fez uma pausa para beber um copo no Rio Maravilha, o gastrobar situado na Lx Factory que possui uma vista privilegiada para a ponte 25 de Abril e que se destaca pela “enorme figura de uma mulher nua que enfrenta Jesus Cristo do outro lado do rio”. Em último lugar no artigo surge o Cemitério dos Prazeres, em Campo de Ourique, que o jornalista elogia pela beleza, afirmando que é uma “despedida em paz”.

 

 

Fonte: El País