CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

Évora e Porto presentes no ranking da Condé Nast Traveler

Condé Nast Traveler
Par Inês ALMEIDA Il y a 4 ans
Catégories :
Últimas Notícias

Os leitores da Condé Nast Traveler nomearam as cidades mais amigáveis do mundo

 

O já habitual ranking das cidades mais amigáveis do mundo da Condé Nast Traveler já saiu. A publicação pergunta todos os anos aos seus leitores quais são as cidades mais amigáveis do mundo e, para tal, utiliza vários parâmetros. Algumas das questões em que a revista se debruça são: “onde é que nos sentimos em casa?”; “quem é que nos soube acolher mesmo bem?”; “qual foi a cidade onde tudo foi fácil, da deslocação à descoberta das melhores experiências?”.

 

Centenas de milhares de leitores ajudaram a Condé Nast Traveler a selecionar as cidades mais amigáveis do mundo em 2017. Nos quinze primeiros lugares, a publicação norte-americana inclui duas cidades portuguesas, Évora e Porto. Em primeiro lugar na lista surge San Miguel de Allende, no México, seguida por Perth, na Austrália, e Gotemburgo, na Suécia.

 

Em quarto lugar na lista das cidades mais amigáveis do mundo surge Évora, a cidade portuguesa situada no Alentejo. “Portugal tem estado na moda há já alguns anos anos, mas não se fica por Lisboa e Porto. Évora, no centro de Portugal, tem leitores que deliram com a parte velha da cidade, afirmando que "a comida é excelente" e o vinho dos melhores do mundo.”

 

A Condé Nast Traveler, aconselha a dar um passeio pela cidade de Évora, sendo que o caminho que se faz entre o Templo Romano de Évora e o Aqueduto da Água da Prata é considerado pela publicação uma “caminhada fácil”. A revista também considera a visita à Capela dos Ossos “obrigatória”.

 

Em 8.º lugar no ranking da Condé Nast Traveler surge o Porto. “Antiga, romântica, poética, intimista e boémia cidade costeira com muita alma e que vai fazê-lo sentir-se vivo”, é a forma como um leitor da publicação descreve a charmosa cidade do norte de Portugal.

 

“Lá [no Porto], poderá caminhar pelas muitas pontes e deixar um cadeado com uma promessa de amor, ou aprender tudo sobre o vinho do Porto e aproveitar as muitas variedades. Tem toda a nostalgia de uma cidade à beira-mar, ao passo que é um destino menos dispendioso do que Veneza com atmosfera semelhante, de acordo com os nossos leitores”, lê-se na Condé Nast Traveler.

 

 

Fonte: Condé Nast Traveler