CONTACTO INVESTIR COMPORTA ALGARVE PORTUGAL

Receita do turismo é duas vezes maior que número de turistas

Receitas do Turismo
Par Inês ALMEIDA Il y a 3 ans
Catégories :
Turismo Portugal

Exportações totais do setor do turismo superaram 80 mil milhões de euros em 2017

 

O turismo em Portugal apresenta um crescimento sem precedentes. O número de turistas, tanto nacionais como estrangeiros, aumentou cerca de 8% no período entre janeiro e novembro de 2017, relativamente ao período homólogo de 2016. Mas o mais significativo é que a faturação global com os turistas também aumentou quase para o dobro.

 

O turismo é, desta forma, a segunda indústria mais lucrativa de Portugal, sendo praticamente tão importante para a expansão das exportações como as indústrias metalomecânica, de máquinas, automóvel e química juntas. “As indústrias de capital intensivo (metalomecânica, máquinas, automóvel e química) são responsáveis por cerca de 33% do crescimento das exportações de bens e serviços em 2017, seguindo-se o turismo, que contribuiu com 28% do crescimento”, lê-se num estudo do ministério da Economia.

 

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE), os turistas garantiram ao país lucros na ordem dos 3,2 mil milhões de euros nos 11 primeiros meses de 2017, o que corresponde a uma expansão homóloga de praticamente 17%, praticamente o dobro do aumento no número de hóspedes que se deu no mesmo período. Por outro lado, o turismo também cresceu praticamente o dobro quando comparado às exportações em Portugal. As exportações totais do país cresceram 12% até novembro, sendo que a atividade turística aumentou 20%.

 

O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, disse, em entrevista ao Dinheiro Vivo, que estes números mostram que “os turistas estão a gastar mais e melhor” em Portugal. O governante celebra o crescimento turístico, afirmando que “o modelo é sustentável”, pois os turistas já não estão apenas concentrados em Lisboa e no Porto, mas também noutras zonas do país. Para Manuel Caldeira Cabral, este sucesso é fruto do trabalho do governo português.

 

“O nosso esforço não é fazer o turismo crescer em número e nos lugares onde há muita intensidade turística, mas exatamente o contrário. O plano é garantir que o turismo cresce mais em valor do que em número e isso já está acontecer”, afirma o ministro da Economia. O governante prevê que as receitas do turismo vão crescer para quase o dobro e que o número de turistas aumente de forma equilibrada em todo o país.

 

 

Fonte: Dinheiro Vivo